"Perda de credibilidade e confiança pode sair-nos caro"

Pedro Passos Coelho diz que o país está a perder credibilidade junto dos parceiros europeus e que a culpa é do atual governo. O presidente do PSD acredita que cabe ao primeiro-ministro defender o resultado de 2015 e convencer a união europeia de que as metas do défice deste ano vão ser atingidas.