"Pessoalmente até considero positiva esta atitude da AstraZeneca"

André Faustino, biólogo e especialista em biologia mulecular, diz que "não é de estranhar" a interrupção dos ensaios clínicos da vacina, mesmo numa fase já tão avançada do processo. O especialista diz que é normal que o processo seja interrompido, para se ter a certeza que a reação adversa foi, de facto, provocada pela vacina.

Sobre "Notícias"