Pires de Lima culpa Cristas: “A estratégia não se revelou correta e os resultados são o que são"

Pires de Lima responsabiliza Assunção Cristas pelos resultados do CDS nas últimas legislativas.

Afirma que Cristas teve uma fase de presidência do partido que correu bem, ou primeiros dois anos, mas que a partir daí "a estratégia não se revelou correta". 

Em entrevista ao Negócios e à Antena 1, o antigo ministro do CDS disse que é tempo para outros protagonistas e aponta Adolfo Mesquita Nunes como um "grande talento".

"Seria um grande desperdício para o CDS se isso não viesse a acontecer", afirmou. 

Sobre "Notícias"