Plataforma de apoio aposta na "autonomia e independência" dos refugiados

Rui Marques, porta-voz do organismo, acredita que Portugal vai ser um porto seguro para os refugiados