Pode haver portugueses a morrer na Venezuela por falta de assistência

Governo português admite a morte de portugueses na Venezuela, por falta de assistência hospitalar em condições. O ministro Augusto Santos Silva ressalva, no entanto, que não tem notícia de nenhum caso em concreto.