Ana Gomes: "A democracia não pode ser tolerante com os intolerantes"

Ao sétimo dia de campanha, Ana Gomes voltou a criticar Marcelo Rebelo de Sousa, desta vez, por causa de José Sócrates.

O antigo primeiro-ministro, num artigo publicado num jornal brasileiro, criticou a candidata socialista e saiu em defesa do atual Presidente da República.

A candidata voltou a defender uma convergência da esquerda, para evitar um eventual segundo lugar de Ventura. 

Sobre "Jornal das 8"