Assunção Cristas esperou quase uma hora para poder votar

Assunção Cristas votou esta manhã na Escola Secundária de Miraflores, em Oeiras, mas teve de esperar quase uma hora para o fazer.

A líder centrista confessou que nunca esperou tanto tempo para poder exercer o direito ao voto. 

"Acho que nunca esperei tanto tempo, foram 50 minutos para poder votar, e o problema é que existiam algumas pessoas a desesperarem (...) aquilo que eu peço a todos é que vão com tempo votar, porque vi pessoas a desistirem, e que com tranquilidade possam exercer o seu direito de voto"

Disse ainda que este domingo é um dia importante e lembrou que "cada voto conta, cada voto é decisivo". 

Relativamente à abstenção, a presidente do CDS-PP espera que esta possa baixar "significativamente". 

"Eu vi aqui muita gente, é bom sinal (...) mas o importante é que nninguém desista e que podem votar até às sete da tarde, com tranquilidade e com tempo". 

Sobre "Notícias"