Costa discorda de Merkel e diz que Portugal não foi "permissivo" com britânicos

António Costa reagiu às declarações de Angela Merkel. O Primeiro-ministro entende que é necessário existir uma ação coordenada, em relação às fronteiras europeias.

Sobre "Jornal da Uma"