Há 20 anos, a campanha foi interrompida pela morte de Amália

No dia 6 de outubro de 1999, no silêncio da noite, calou-se a voz do Fado, a voz de Amália. O falecimento levou a que todos os partidos interrompessem a campanha para as eleições legislativas, em que António Guterres foi reeleito Primeiro-Ministro.

Sobre "Jornal da Uma"