Marcelo fecha o livro sobre ideia de delação premiada em Portugal

Presidente da República reserva para si a "última palavra", caso a figura jurídica da delação premiada - com vantagens para denunciantes envolvidos em crimes - venha a ser introduzida na Justiça portuguesa. A ideia foi defendida pela ex-ministra social-democrata, Paula Teixeira da Cruz, mas o Presidente esperará para ler, caso a proposta venha a sair do Parlamento