Marcelo sobre professores: "O que dissesse limitava a decisão que o primeiro-ministro tinha de tomar"

O Presidente da República quebrou o silêncio sobre a crise política criada pela contagem do tempo de serviço congelado dos professores