Mário Centeno garante que não houve transferência à revelia do primeiro-ministro

Mário Centeno garante que a tranferência de 850 milhões para o Fundo de Resolução, com destino ao Novo Banco, não foi feita à revelia do primeiro-ministro. Centeno sublinhou ainda que a resolução do novo banco foi a mais desastrosa na Europa.

Sobre "Jornal das 8"