Marisa Matias: “Não há forma de ser europeísta sem ser crítico da União Europeia”

“Votar no BE significa dar força a um caminho que começámos a percorrer há quatro anos”, começou por dizer Marisa Matias, que garante que o Bloco de Esquerda não cede às condições de Bruxelas e que o partido pretende falar sobre as alterações climáticas e os direitos humanos.

Sobre "A caminho das Europeias"