"Não queremos um Estado que promova a morte assistida nem que assista à morte"

Presidente do CDS, Francisco Rodrigues dos Santos, afirmou que o partido vai continuar a lutar contra a despenalização da eutanásia e defendeu que deve ser dada voz aos portugueses sobre a matéria, através de um referendo

Sobre "Notícias"