Negrão e Rio divergem sobre salários dos políticos

Líder parlamentar do PSD acaba de contrariar a posição do presidente social-democrata. Fernando Negrão começa por dizer que o PSD discorda da reposição do corte de 5% do salários dos gabinetes dos políticos, para corrigir que é apenas uma posição pessoal e não do partido