Quanto às reações políticas, PCP e Bloco de Esquerda defendem o direito à greve mas não dão um apoio explícito a esta paralisação.