Prémios TAP: ministro reunido de emergência com administradores do Estado

O Governo dá sinais de querer agir na questão dos prémios atribuídos a funcionários da TAP num ano em que a companhia deu mais de cem milhões de euros de prejuízos. O ministro das Infraestruturas chamou, esta manhã, para um encontro os administradores públicos da TAP, mas não se sabe o resultado do encontro. O que existe é a declaração de António Costa, na quinta-feira, na Assembleia, afirmando que a atribuição de prémios é incompatível com os padrões de sobriedade que devem existir.