Rui Rio: "Quadro macroeconómico do PS é um gato escondido com o rabo de fora"

O presidente do PSD considerou, esta sexta-feira, que, se o Governo só tem 200 milhões de euros para aumentar os funcionários públicos, estes estão “desgraçados” porque este dinheiro “não chega para nada” nos próximos quatro anos.

O líder social-democrata falava aos jornalistas à margem de um almoço organizado pela Confederação do Turismo de Portugal (CTP), no Porto.

Para o presidente do PSD, Mário Centeno não “está a fazer outra coisa que não seja campanha eleitoral”, portanto, considera, quando fala em 200 milhões de euros as pessoas acham que é muito dinheiro.

Os 200 milhões referem-se a números apresentados pelo ministro das Finanças relativamente aos aumentos no setor público.

Sobre "Jornal das 8"