Sanções europeias: Passos fala em "falsa questão"

Pedro Passos Coelho garante que não vai alinhar em lutas contra as instituições europeias, apesar de defender que não devem ser aplicadas sanções a Portugal.

É a resposta do presidente do PSD ao desafio do PS para que vote uma resolução no parlamento que rejeite eventuais sanções de Bruxelas. Passos diz que se trata de uma falsa questão.