Portas alerta: índice de transmissibilidade "já não está a baixar"

Olhando para o gráfico que mostra a evolução da pandemia em Portugal Paulo portas considera que "estamos na linha desejável". Os contágios diminuíram, "houve uma redução significativa nas fatalidades" e, embora "abaixo do desejável", também nos cuidados intensivos. 

O comentador da TVI sublinha que "isto é feito com um número anormalmente baixo de testes", que está muito longe das metas anunciadas.

E deixa um aviso: o Rt (índice de transmissibilidade) "já não está a baixar e nos últimos dias tem subido. E preciso termos consciência que não há conseguimentos absolutos."