Porto: homens e mulheres dizem basta à violência doméstica

Além do Porto, também Braga, Barcelos, Seixal, Beja e Portimão foram locais onde se realizaram idênticas formas de protesto e de alerta.