Portugal não vai expulsar diplomatas russos mas chama embaixador a Lisboa

A guerra diplomática com a Rússia está a dividir os partidos portugueses. O Governo decidiu não expulsar, por enquanto, nenhum diplomata russo e chamou a Lisboa para consultas o embaixador português em Moscovo. O Presidente da República considera que se trata de uma iniciativa forte. O PSD acusa o Governo de não ir mais longe por estar refém dos seus parceiros de esquerda. O PS responde que a direita procura um caso