Português com coronavírus descreve internamento no hospital japonês

Sete horas de viagem depois, Adriano Maranhão já está no hospital universitário de Okazaki, no Japão. No autocarro, viajaram 18 pessoas de várias nacionalidades que estavam no navio Diamond Princess.

Cansado, dorido, mas já sem febre, Adriano vai agora receber cuidados médicos.
 

Sobre "Jornal da Uma"