Português na China: "Estamos um pouco assustados"

Álvaro Mota é treinador de futebol e está em Guangzu, na província vizinha de Hubei há dois meses. À TVI contou que não há ainda qualquer indicação das autoridades portuguesas sobre o que fazer em caso de urgência. O treinador de futebol conta ainda que os mais de 100 portugueses com quem tem contacto admitem estar assustados com o surto de coronavírus. 

Sobre "Notícias"