Presidente do Eurogrupo lamenta "se ofendeu alguém"

Jeroen Dijsselbloem diz, no entanto, que não se demite do cargo.