Professores: reunião com Governo durou 30 minutos e acabou sem acordo

Mais uma vez, terminou sem acordo a reunião dos professores com o Ministério da Educação. Mário Nogueira acusou o Governo de ter feito uma "farsa carnavalesca", porque na realidade nunca quis negociar, já Tiago Brandão Rodrigues diz que em breve o Governo aprovará  o decreto lei que reconhece aos professores os 2 anos, 9 meses e 18 dias do tempo de serviço. Os sindicatos vão agora reunir com os partidos para tentar reverter a situação em sede  parlamentar e auscultar os docentes para perceberem que luta estão dispostos a travar na defesa dos seus direitos