Proteção Civil diz que o polémico kit contra fogos florestais não era para usar em caso de incêndio

Está instalada uma nova polémica, agora por causa do kit de proteção contra incêndios florestais, que foi distribuído às populações. Nesse kit incluem-se 70 mil golas anti-fumo, feitas de poliester, que é um material inflamável, mas foi esse o material escolhido pela autoridade nacional de Proteção Civil. Entidade justificou a opção, dizendo que este equipamento não era para ser utilizado em caso de incêndio, servindo apenas para sensibilizar as pessoas.