Recolher obrigatório: "Vai ser uma catástrofe a nível da hotelaria e restauração"

Nos próximos dois fins de semana, comércio e restaurantes têm de fechar às 13:00 e só podem funcionar em sistema de take-away ao almoço e com entregas ao domícilio depois da uma da tarde.

O primeiro-ministro admite um impacto "duríssimo" na restauração e no comércio, mas garante que são medidas "fundamentais".

Quem representa os setores, mostra preocupação e teme que muitos negócios não consigam aguentar.

Sobre "Jornal da Uma"