A partir da meia-noite é ativada a rede de emergência de postos de abastecimento. 374 postos fazem parte da rede que contempla também bombas exclusivas a forças de segurança, emergência médica ou instituições de solidariedade social. O Governo aconselha a uma gestão criteriosa do combustível.