Republicanos influentes retiram apoio a Trump depois dos comentários sexistas

Numa gravação de 2005, o milionário usa termos obscenos para se referir a uma mulher casada que terá tentado seduzir. O próprio candidato do republicano a vice-presidente diz-se ofendido com o que ouviu. Isto já depois de Trump lançar, em vídeo, um pedido de desculpas em que, no entanto, ataca Hillary e também Bill Clinton

Sobre "Notícias"