Rio sobre venda de imóveis do Novo Banco: "Isto é gozar com os portugueses"

Rui Rio reagiu, esta terça-feira, à notícia da venda de 13 mil imóveis do Novo Banco a um fundo sediado nas Ilhas Caimão, por 356 milhões de euros, menos de metado do valor em que estavam avaliados.

O líder do PSD exigiu ao Ministério Público que investigo o negócio que, no seu entender, parece ser feito "para perder e o contribuinte pagar".

Sobre "Notícias"