Saiba quem são os detidos no caso do roubo de armas em Tancos

O nome mais sonante deste grupo de detidos é o do diretor da Polícia Judiciária Militar, coronel Luís Vieira, que chegou a ser condecorado por comportamento exemplar. Foram detidos mais três elementos da PJ Militar. Da Guarda Nacional Republicana, foram detidos o chefe do núcleo de investigação criminal de Loulé e dois guardas. Há ainda um suspeito civil, que terá guardado as armas furtadas. As buscas e as detenções foram efetuadas por inspetores da Unidade Nacional Contra terrorismo e por magistrados do Ministério Público.