"Se sairmos à rua somos presos", o relato de uma portuguesa a aguardar repatriamento na África do Sul

Um pouco por todo o mundo, continua a haver portugueses a aguardar o repatriamento, uma vez que as ligações aéreas estão bastante limitadas.

Tatiana Araújo, uma cidadã portuguesa em Durban, na África do Sul, relatou a situação que vive no país, enquanto aguarda o repatriamento.

Sobre "Notícias"