Soares da Costa: mais de 300 em inatividade e sem salários há meses

Alguns deles regressaram de Angola. Atrasos nos pagamentos variam entre os três e os seis meses. Indignados e em situação cada vez pior, os trabalhadores não compreendem porque é que a empresa não passa os documentos para o acesso ao subsídio de desemprego. Pedro Monteiro (reportagem), Nuno Gomes (imagem) e Cláudia Rodrigues (edição de imagem)