A bebé Matilde já tomou medicamento que lhe pode salvar a vida

Matilde e Natália, as duas bebés que sofrem de atrofia espinhal tipo 1 receberam esta terça-feira o medicamento mais caro do mundo que pode travar a doença. A equipa clínica do hospital de Santa Maria, em Lisboa, garante que a toma do fármaco correu bem e até agora não foi registado nenhum efeito secundário.

Sobre "Notícias"