A defesa de Iuri Mata garante recorrer até às últimas instâncias para alterar a decisão do tribunal. A advogada fala em provas introduzidas de forma ilegal e recorda como foi rejeitada a análise psicológica ao arguido quando foi requerida dentro do prazo legal