Há ambulâncias do INEM paradas um pouco por todo o país por falta de técnicos. No mês passado, durante cinco dias, mais de metade das nove viaturas disponíveis no Porto estiveram paradas.

 

de acordo com o jornal de notícias, o sindicato dos técnicos de emergência já apresentou uma queixa na inspecção geral de atividades em saúde.