"Ana Leal": pagamentos em dinheiro, contratos desastrosos e ajustes diretos na GNR

Mais uma vez, nem o ministro da Administração Interna, nem o comandante geral da GNR quiseram responder às perguntas incómodas da TVI. Eduardo Cabrita não esclareceu sequer porque é que ainda não enviou a auditoria para o Ministério Público, limitando-se a referir através do seu gabinete que ainda estão a analisar o documento. Já passaram quatro meses.