Ao contrário do resto do país, no Algarve a taxa de natalidade continua a subir

A tendência mantêm-se: 25% dos bebés nascidos no Algarve são de mães estrangeiras e há uma nacionalidade que se destaca: um terço dos bebés são de mães brasileiras.

Num país onde a taxa de natalidade continua a descer, o Algarve é a única região que não acompanha a tendência com um aumento de 4%. 

Aljezur registou o maior número de nascimentos. 

Sobre "Jornal da Uma"