Associação 25 de Abril admite cancelar desfile “se não houver condições”

Apesar de Portugal permanecer em estado de emergência, o desfile do 25 de Abril vai regressar este ano à Avenida da Liberdade, em Lisboa.

Vasco Lourenço, presidente da Associação 25 de Abril, confirmou à TVI24 que a único voto contra a realização do evento foi da APRe! Aposentados, Pensionistas e Reformados, reiterando que a UGT se absteve da votação.

Carlos Silva, secretário-geral da UGT, garantiu que a entidade sindical não vai participar no evento “em nome da prudência”.

Sobre "Os Qu4tro"