Bíblia e adultério são temas recorrentes para juiz Neto de Moura

Desembargador da Relação do Porto, responsável pelo acórdão que justificou pena suspensa a dois homens que agrediram uma mulher, tem 30 anos de carreira

Sobre "Jornal das 8"