Cancro é uma palavra comum para estas crianças

Nas últimas décadas registou-se um progresso significativo no tratamento do cancro infantil. Estima-se que a taxa de sobrevivência, de uma forma geral, alcance os 75%. No entanto, Portugal continua a ser o país da Europa ocidental com o maior atraso nos cuidados paliativos para estas idades