Caso BES: "É óbvio que há um número de certezas que vão para além da acusação"

 

O programa Aos Olhos da Lei desta quinta-feira teve como tema principal de discussão o caso Universo Espírito Santo e desvendou algumas das práticas referidas na acusação que levaram o Ministério Público a acusar Ricardo Salgado de associação criminosa. 

Mariana Mortágua, que integrou a comissão de inquérito ao BES, analisou a correspondência dos factos referidos na comissão e os apresentados pelo Ministério Público e referiu que, “no essencial”, as grandes operações que teriam intuitos criminosos estão “todas revertidas nesta acusação”.

Sobre "Aos olhos da lei"