"Como cidadão português, sinto-me envergonhado com esta situação"

O jurista Garcia Pereira diz-se envergonhado com todas as situações que conhece de situações "ilegais" ou desumanas nas juntas médicas e sublinha que os doentes se devem fazer acompanhar de um médico, para terem uma testemunha.

Sobre "Alexandra Borges"