Confinamento geral: "Desta maneira acho que estamos a perder tempo"

João Gouveia acredita que um confinamento geral nos termos em que se tem verificado é "apenas perder tempo".

O intensivista alerta para a necessidade urgente de um confinamento efetivo e que mesmo assim demorará tempo até se registarem resultados efetivos, mais ainda nas unidades de cuidados intensivos

Sobre "Notícias"