Covid-19: doentes recuperados que continuam internados deixam H. Beatriz Ângelo com “lotação esgotada”

O Hospital Beatriz Ângelo, em Loures, é por estes dias um dos mais requisitados para receber doentes com Covid-19. Isto, porque o concelho é um dos que apresenta maior aumento do número de infetados em Portugal.

José Vale, diretor do serviço de neurologia do Hospital, explicou que a lotação do serviço de internamento está praticamente “esgotada” devido a elevado número de doentes recuperados da Covid-19 que continuam internados por não poderem regressar a casa ou para os lares.

Temos um contingente importante de doentes internados capazes de ter alta, mas há condições para os receberem nos sítios”, garantiu o especialista.

Sobre "Diário da Manhã"