Covid-19: funcionárias de lar recusaram ser vacinadas. Idosa acabou por morrer em surto

Em Faro, há um novo surto num lar onde algumas funcionárias recusaram ser vacinadas. Uma idosa acabou mesmo por morrer.

A união das misericórdias pede por isso que a vacinação seja obrigatória para quem trabalha com idosos e deixa um apelo para que haja regras mais apertadas nos lares.

Sobre "Jornal da Uma"