Maria Dulce Galvez, advogada do pai biológico de Raquel, disse que não só Ricardo mas também ela foi coagida a desistir do processo contra a IURD sobre as adoções ilegais.