Donos de pedreiras esperavam desabamento da EN 255

Os donos das pedreiras contíguas à estrada que desabou em Borba já esperavam a tragédia. Há quatro anos reuniram com o presidente da câmara para poderem fechar a estrada, mas não houve maioria. O autarca admite que a reunião aconteceu, mas diz nunca ter sido informado da falta de segurança daquele troço. Também o ministério do Ambiente já tinha proposto fechar a estrada 255, mas a verdade é que nada surtiu efeito, a estrada manteve-se em funcionamento.