E-mails: FCP não se conforma com decisão e recorre para a Relação

O Futebol Clube do Porto foi condenado a pagar ao Benfica dois milhões de euros no caso da divulgação dos e-mails do clube da Luz. Neste processo, foram absolvidos o presidente da SAD Pinto da Costa e os administradores Fernando Gomes e Adelino Caldeira.